Com três gols no segundo tempo, Orlando City garante virada e vence o New England Revolution

Com três gols no segundo tempo, Orlando City garante virada e vence o New England Revolution.

Em seu primeiro jogo em casa desde 8 de julho, o Orlando City SC (5-5-11, 26 pontos) marcou três gols no segundo tempo e garantiu a vitória por 3 a 1 sobre o New England Revolution (6-8-8, 26 pontos). O resultado deixa as equipes empatadas na briga por uma vaga para os playoffs pela Conferência Leste. O excelente desempenho de Molino, que marcou duas vezes e deu assistência para Cyle Larin, levou os Lions a estenderem para 17 jogos sua invencibilidade em casa.

“Obviamente estou muito, muito feliz. A semana de trabalho com os jogadores e equipe técnica foi excelente. Uma das melhores semanas em que eu já estive envolvido. E ver que esse trabalho resultou no ótimo desempenho que tivemos essa noite me faz muito feliz”, disse o técnico Jason Kreis. “É muito gratificante como treinador estar trabalhando em algo e investindo energia para tentar transmitir essa mensagem para os jogadores e ver que isso começa a tomar forma no jogo”.

Kreis fez várias alterações na escalação em seu primeiro jogo como treinador. Kaká e Cyle Larin ficaram na frente e Hadji Barry, Kevin Molino, Servando Carrasco e Antonio Nocerino no meio do campo, fazendo a formação de 4-4-2. Brek Shea entrou no lugar de Barry, que fez sua terceira partida consecutiva, no intervalo.

Porém, foram os visitantes que saíram na frente, com Kei Kamara abrindo o placar aos 19 minutos.

Os Lions pressionaram durante toda a primeira etapa em busca do empate, mas o gol veio somente aos 46’, no primeiro minuto do segundo tempo. Molino trocou passes com Larin e lançou o atacante no lado esquerdo da área. O atacante canadense chutou cruzado, sem chances para Bobby Shuttleworth, para marcar seu 11º gol na temporada.

A virada veio aos 64’ quando Shea fez avançou para a linha de fundo e lançou a bola na área. Molino mergulhou e, de cabeça, mandou para o fundo da rede.

A noite fecharia com chave de ouro no minuto 83, em uma sequência de passes entre Boden, Kaká e Molino. Boden fez a ligação com Kaká, que lançou para Molino mandar para o fundo do gol. O trinitino fez seu nono gol na temporada e garantiu a alegria dos 27.768 torcedores presentes.

Os Lions retornam à ação no domingo, 7 de julho, de contra os Seattle Sounders. Partida será no Camping World Stadium, às 20h30, no horário de Brasília.

GOLS:
NE – Kei Kamara (Kelyn Rowe) 19′
ORL – Cyle Larin (Kevin Molino) 46′
ORL – Kevin Molino (Brek Shea) 64′
ORL – Kevin Molino (Kaká) 83′

CARTÕES:
NE – Scott Caldwell (Amarelo) 18′
ORL – Cristian Higuita (Amarelo) 80′

ESCALAÇÕES/SUBSTITUIÇÕES
Orlando City SC – Joe Bendik, Luke Boden, David Mateos, Seb Hines, Kevin Alston, Servando Carrasco, Kevin Molino, Antonio Nocerino (Cristian Higuita 78′), Hadji Barry (Brek Shea 46′), Kaká (Darwin Cerén 84′), Cyle Larin;
Banco: Earl Edwards Jr., José Aja, Júlio Baptista, Carlos Rivas.

New England Revolution – Bobby Shuttleworth, Jose Goncalves, Andrew Farrell, Je-Vaughn Watson, Londres Woodberry, Scott Caldwell (Charlie Davies 75′), Lee Nguyen, Kelyn Rowe, Chris Tierney (Gershon Koffie 62′), Teal Bunbury (Diego Fagúndez 69 ‘), Kei Kamara;
Banco: Brad Knighton, Darrius Barnes, Zachary Herivaux, Diago Kobayashi.

Estatísticas
Posse:
ORL – 56,3%
NE – 43,7%

Chutes:
ORL – 16
NE – 10

Defesas:
ORL – 4
NE – 2

Faltas:
ORL – 12
NE – 15

Escanteios:
ORL – 5
NE – 2

FONTE/FOTO: http://www.orlandocitysc.com

Deixe aqui o seu comentário!

Comentários

[wp-stealth-ads rows="2" mobile-rows="3"]

Attachment

Com três gols no segundo tempo

PATROCINADORES